“Queremos é que as pessoas usem cartuchos”, diz engenheiro da Tectoy sobre Mega Drive

 




Depois de a Tectoy anunciar que irá relançar o Mega Drive em 2017, muitos questionamentos sobre o console foram levantados pelos apaixonados por games, com isso o gerente de Engenharia da Tectoy, Heriberto Martinez falou em entrevista divulgada pelo Blog Tectoy, sobre o “novo” console.

Logo no começo da entrevista Martinez fala que este Mega Drive não poderá rodar jogos de forma semelhante do console original. “É algo irrealizável hoje em dia [rodar igual], no entanto estamos buscando o máximo em compatibilidade de hardware e software”, disse.

Gerente de Engenharia da Tectoy, Heriberto Martinez

Em pergunta sobre a não inclusão da entrada HDMI no console, o profissional disse que enfrenta um problema parecido com anos atrás. “Vivemos algo parecido no passado, quando todos os televisores só tinham entrada de RF e a Sega lançou o Saturno, que só tinha saída de áudio e vídeo. Tivemos que vender uma caixinha, um modulador RF, porque as pessoas pediram. Naquela época a gente tinha um sinal melhor que era o vídeo composto e tivemos que baixar a qualidade para RF. Agora estamos enfrentando uma situação parecida”, explicou.

Outra dúvida constante é sobre os jogos que virão inclusos com o novo Mega Drive e a entrada para cartão. Sobre isso o engenheiro afirmou que serão todos jogos licenciados. “Trata-se de nossos jogos licenciados. Sobre o cartão, primeiramente queremos é que as pessoas usem cartuchos”, acrescentou.

Na entrevista, Heriberto Martinez falou ainda que a maior dificuldade que a empresa tem encontrado com relação a esse relançamento é a questão de equipe reduzida.



Por: Mariana Duarte em 14-Nov-2016




LANÇAMENTOS



REDES SOCIAIS